quinta-feira, 17 de abril de 2014

Quando... - Olindo Santana

Quando me olhas,
e o teu olhar
me diz que tu me queres...
Quando me falas,
e o teu falar,
afirma que posso ser,
o sonho que tu desejas,
o amor que posso ter...
Quando você me toca,
e o silêncio se faz dizer,
que a tua  magia é simples,
mas se faz divina
a cada amanhecer...
Quando você pergunta,
não com palavras,
mas com o beijo,
que traz a mensagem,
que só eu posso ler...
Ah, meu amor!
Eu te percebo,
e eu te sinto,
com tanta intensidade,
e é tão forte a emoção,
que a minha ansiedade,
dá curto em meu coração,
e eu fico sem te responder
com palavras,
mas sei que você entende,
que cada gesto seu,
me surpreende,
e me conquista,
e arranca de mim
toda a admiração,
toda a paixão,
que somente tu ou você,
tem o direito de, 
" de mim, receber! "

- Olindo Santana